09 agosto 2006

Sou uma aficionada por dados numéricos. Por isso, ao receber um e-mail de protesto, comum em período eleitoral, não poderia deixar de fazer os cálculos.
Um trabalhador brasileiro paga em média 27,5% do seu salário em impostos. Com os 72,5% ainda tem que pagar todas as contas e sustentar a família. Bom, isso não é novidade, mas vale a pena relembrar.
No Paraná, este ano, cada cidadão pagou, em média, R$ 2.402,86 em impostos. É como se uma pessoa que recebe um salário mínimo mensal tivesse trabalhado cinco meses e meio apenas para pagar impostos.
Ok, revoltante. Mas vai ficar pior!
Cada deputado recebe R$ 12 mil de salário, R$ 3 mil de auxílio-moradia, R$ 7 mil para despesas comprovadas, R$ 3,8 mil para alguma outra coisa que não me recordo agora, R$25,4 mil por convocação extraordinária e R$ 35 mil de verba de gabinete. Ah, e eles ainda têm 13º e 14º salários. Isso para cada um dos 514 ilustres.
Como de costume, peguei minha calculadora para me indignar ainda mais.
O resultado?
R$ 110,2 mil para cada um deles e mais de R$ 56 milhões gastos no total.

Um comentário:

Luana disse...

Tô ansiosa pra ver o comentário da entrevista com o Cristóvão Buarque! E mais ainda o de hoje à noite!!
beijos