20 abril 2006

Isso aqui ô ô, é um pouquinho de Brasil, ia ia...

Diplomas da Universidade Estadual de Maringá estão sendo vendidos pela Internet. A que ponto chegamos! Esse tipo de comércio não deve ser novidade, mas só agora entrei em contato e vi como funciona a fraude. Eu enviei um e-mail para testar e fazer uma matéria para a rádio. Recebi resposta imediatas, dizendo que eles garantiam a autenticidade do documento e que eu teria até registro no Ministério da Educação e na Universidade. Obviamente, algum funcionário está praticando o crime. E acredito que essa pessoa precisa ter apoio em todos os níveis, inclusive no Ministério para conseguir o documento com tanta rapidez (uma semana).
O engraçado é que eles enviaram um questionário para eu preencher com os meus dados e uma das questões era para escolher o ano em que eu gostaria de ter concluído o curso! É o cúmulo. Isso gera uma desconfiança geral, pelo menos para mim. Daqui a algum tempo não saberemos mais identificar um diploma falso de um verdadeiro. Os diplomas terão que vir com marca d'água, como notas de dinheiro!

Nenhum comentário: