28 abril 2006

Falando em eleições 2

A campanha eleitoral deste ano vai ser de baixo nível. Devemos nos preparar! O PT está se armando contra o PSDB e prepara ataques lembrando as privatizações realizadas no governo Fernando Henrique Cardoso. Para rebater denúncias de corrupção eles vão lançar novas acusações contra o inimigo.
Hoje o PT vai aclamar Lula candidato à reeleição, o que todos já sabíamos, e vai aprovar um documento ridículo que pretende recuperar as bases ideológicas do partido. Parece impossível que o PT queira retomar o mesmo discurso usado nas eleições de 2002, mas é exatamente isso que o partido vai fazer.
O documento diz que a reeleição de Lula pretende "barrar a contra-ofensiva da direita e dos setores neoliberais”. É um discursinho manjado e que todo mundo já sabe que não dá em nada. E ainda acrescenta: “As forças neoliberais querem recuperar o controle do governo federal, retomando a repressão contra os movimentos sociais, a submissão aos interesses norte-americanos, a ideologia e a prática do Estado mínimo e das privatizações".
Até onde eu saiba, o governo Lula também repreendeu os movimentos sociais (que por sinal ajudaram a elegê-lo) e continua submisso aos norte-americanos. Aliás, economicamente não houve mudança significativa.

2 comentários:

Maria de Fátima Cardoso disse...

Vai ser um ano difícil este! Realmente as eleições prometem ser de acusações recíprocas. O que na verdade não faltará argumento a nenhum deles.Todos eles têm e muito o que acusar uns aos outros.Temos que discutir mais sobre o assunto.

Cecília França disse...

Com certeza madrinha! O blog é uma ótima maneira de discutirmos não só a política, mas também os problemas sociais do nossa país.
Conto com vocês.